Cíntia é bibliotecária e está sempre buscando atualização na área de tecnologia aplicadas à educação.

A bibliotecária Cíntia Mendes já participou de quase todos os cursos online do Sala Aberta, e sempre com um ótimo aproveitamento. Por isso, estamos apresentando ela e seu trabalho, que é muito importante na formação do aluno. Além disso, Cíntia tem ótimas ideias para inovar nos projetos de leitura dentro de biblioteca.

Cíntia trabalha em biblioteca pública com atendimento de pesquisas e empréstimos, processamento técnico do acervo e desenvolvimento de projetos de incentivo à leitura e cidadania, e está constantemente buscando aperfeiçoamento na área de tecnologias aplicadas à educação.

Ela sugeriu um plano de aula para ensino fundamental I bem legal. Está na página 23 do e-book organizado pelo Sala Aberta Estratégias Pedagógicas – Volume 1.

“Buscar formação na área de tecnologia é essencial para o educador, uma vez que o público que atendemos (jovens, em sua maioria) consome esses produtos ativamente. A formação permite que o educador possua mais ferramentas para diversificar o seu trabalho e, dessa forma, tornar a aquisição de conhecimento mais atrativa e divertida”, afirma Cíntia.

 

Este slideshow necessita de JavaScript.

 

Recomendo o Sala Aberta!
“O fato de ser à distância permite que o aluno adeque o curso à sua rotina, o que me atraiu. O diferencial do Sala Aberta em relação a outros cursos EAD é que o conteúdo é bastante diversificado e completo, mesmo para um curso de curta duração. Além disso, os tutores são bastante organizados e prestativos. O Sala Aberta possui muitos cursos diferentes, que não se encontra facilmente no mercado. Recomendo fortemente para os meus conhecidos fazerem, pois vale muito a pena o custo-benefício!” – Cíntia Mendes.

Cíntia é formada em Biblioteconomia pelo UNIFAI (2010), com pós-graduação em Planejamento e Gerenciamento de Sistema de Informação pela FAINC (2016), extensão em Práticas de Letramento para Formação de leitores pela PUC/SP (2013) e extensão em O livro para a infância: literatura, leitura e mediação pela FACON (2015). Autora do Blog Biblioquê, desde 2013, cujo tema central é Literatura e Biblioteconomia. Possui capacitação em Mediação de leitura pela FESP (2010) e formação em Contação de Histórias pelo Sistema Municipal de Bibliotecas (2008), além de cursos e oficinas nas áreas de Hora do Conto, Contação de Histórias e Biblioterapia.

Por que eu recomendo o Sala Aberta?
Tweet about this on TwitterShare on Facebook7Share on Google+0Share on LinkedIn1

Comentários

comentários

Classificado como: